O Instituto Surear existe para promover a integração latino-americana. A ideia-força pressuposta na palavra integração, no entanto, precisa ser constantemente pensada e atualizada. Afinal, o que significa integração? Por que um país busca integrar-se a outro? Qual integração é almejada pelos atores e qual modelo deve ser efetivamente implantado? Distintas razões levam à decisão pela integração e no processo histórico há os atores relevantes e os atores subalternizados, os interesses atendidos e os ignorados, os discursos hegemônicos e as vozes silenciadas, as identidades convergentes e as conflitantes, os paradigmas e os modelos constituídos ou superados, as mudanças ou as continuidades. O Instituto Surear defende um modelo de integração para a América Latina que congregue demandas não apenas do mercado ou dos Estados econômica e politicamente mais fortes, mas também da sociedade civil, dos movimentos sociais, das camadas populares e dos Estados menores. Para lograr seus objetivos, o Instituto Surear busca promover espaços de congregação para os diversos atores sociais de todos os países latino-americanos, com atenção especial para os países e sociedades mais vulneráveis da região. Surear, enquanto olhar desde abajo, é um exercício constante para superar assimetrias simbólicas e materiais tanto fora quanto dentro da América Latina. Enfim, o Instituto tem um Sul: constituir sua visão através do diálogo com os distintos atores e promover da cacofonia uma sinfonia.